Tumores de Mama

Jogos para os Patudos lá de casa
23 de Outubro, 2021
Cistite idiopática felina
6 de Novembro, 2021

Os tumores de mama são uma realidade em medicina veterinária e não tão infrequente quanto isso. Devido ao incentivo para proceder à esterilização, vemos menos do que se via há uns anos atrás, mas ainda são bastante frequentes.

Existem fatores de maior risco para contrair neoplasia mamária e são eles:

  • Não ser esterilizada
  • Ter tendência a fazer pseudogestações ( a gata ou a cadela “pensa” que foi mãe e acumula leite nas mamas. Apresenta ainda todos os outros sinais de maternidade, como fazer ninho e adotar brinquedos e objetos como seus filhos)
  • Utilização de contracetivos orais

Se tem uma gata ou uma cadela nestas condições, é importante que se mantenha vigilante. Monitorize com frequência as suas mamas, palpando uma a uma, numa tentativa de sentir caroços ou bolinhas ao longo de toda a cadeia mamária. Caso tenha alguma dúvida sobre algum caroço ou alteração do aspeto da mama, por favor entre em contacto com o seu veterinário assistente o quanto antes.

Detetei um nódulo mamário,… e agora?

Sempre que é detetada uma alteração mamária, a sua gata ou cadela deverá ser avaliada através de um exame físico completo e detalhado. De seguida, serão solicitadas análises gerais, radiografia torácica e poderá ainda ser solicitada ecografia abdominal.

Se tudo estiver bem, será agendada a cirurgia para remoção da cadeia mamária envolvida (poderá ser uma remoção total ou parcial da cadeia mamária, dependendo do numero de nódulos, da sua localização e do histórico da sua melhor amiga). Caso ainda não seja esterilizada, será esterilizada no mesmo procedimento.

Tenho mesmo de esterilizar a minha gata/ cadela?

 A esterilização é altamente aconselhada. O seu intuito é quebrar a estimulação da glândula mamária que ocorre a cada ciclo, tentando protegê-la ao máximo de novas reincidências

Porque tenho de fazer Radiografia Torácica e Ecografia abdominal?

A radiografia torácica é altamente aconselhada para garantir que não ocorreu metastização do tumor para os pulmões. Caso o tumor tenha já chegado aos pulmões, o animal deixa de ser um candidato a cirurgia.

A ecografia abdominal poderá ser pedida, dependendo do caso, para avaliar órgãos internos a nível de estrutura, e também para pesquisar eventuais metástases.

E se o tumor já estiver no pulmão?

Quando a metastização pulmonar já ocorreu, infelizmente não haverá muito a fazer, a não ser garantir os cuidados paliativos.

A sua melhor amiga será medicada para se manter o mais confortável possível, enquanto tiver condições para estar em casa.

E depois da Cirurgia? O que esperar?

Depois da cirurgia, a peça removida que contem os nódulos deverá ser enviada para análise histopatológica para avaliar as margens cirúrgicas e ainda dar um diagnóstico definitivo do tumor envolvido.

A recuperação cirúrgica depende do tumor e da extensão da cirurgia, mas geralmente corre bem e demora cerca de 10-15 dias.

Como posso evitar tumores de mama?

Idealmente, deverá esterilizar a sua gata ou a sua cadela antes do primeiro cio. Assim, não existindo estimulação hormonal da glândula mamária, a probabilidade de se desenvolver tumor mamário é muito reduzida.

Se tem em casa uma gatinha ou uma cadelinha e tem dúvidas sobre esterilização ou sobre tumores de mama; se está com dúvidas e não sabe o que fazer, fale com o seu veterinário assistente, ou fale connosco. Estamos ao dispor para ajudar e esclarecer todas as suas dúvidas.